sexta-feira, 31 de julho de 2009

Itororó ganha centro de Fisioterapia e PSF



Cumprindo mais um dos compromissos assumidos na campanha de 2008, o prefeito de Itororó, Adroaldo Almeida, entregou, na semana passada, o Centro Municipal de Fisioterapia (CMF) Hildelbrando Antunes de Carvalho. Outra promessa cumprida foi a dotação, do bairro Grande Lotamento, de um posto de Saúde da Família, na terça-feira (28).

O CMF, que fica localizado na rua Marechal Teixeira Lott, no centro da cidade, já está em pleno funcionamento e tem capacidade para atender 100 pessoas por semana. O local conta com equipamentos de ultima geração, amplas instalações e fisioterapeuta profissional para garantir a qualidade do atendimento à população.

Já PSF do Grande Loteamento é dotado com clinica odontológica, médicos, enfermeiros e auxiliares de enfermagem. “Tudo o que fazemos é visando elevar a qualidade de vida da população. Primeiro estamos fazendo isso levando o serviço público, programas sociais, melhorando a saúde, a educação”. O Deputado Federal Geraldo Simões também participou da inauguração.

Adroaldo lembra que essas ações melhoram consideravelmente a situação do povo. “Estamos chegando no Grande Loteamento, uma área que antes não dispunha de nenhum serviço público nenhum. Agora, essa historia este mudando”, disse o prefeito Adroaldo Almeida, em seu programa de radio, “Conversa com o Prefeito”.

O prefeito lembra que agora é possível ver a diferença entre as administrações passadas e a sua. “O que estamos fazendo segue um planejamento. Vamos intervir na imagem da cidade, calçando ruas, construindo praças e, aliado a isso, vamos cuidar dos bens imateriais, interferir na cultura do lugar. Faremos de Itororó e seus distritos, locais que darão, cada vez mais, orgulho aos seus moradores”.

Uruçuca oferece acompanhamento a crianças em situação de risco social


A Prefeitura de Uruçuca, através da Secretaria de Trabalho e Ação Social, vem oferecendo acompanhamento especializado a crianças em situação de rua ou risco social. Através do projeto “Espaço de Convivência”, 10 meninos e meninas com até 12 anos de idade participam de atividades lúdicas e recreativas duas vezes por semana. Os pequenos, que tiveram seus direitos sociais violados, são encaminhados pelas escolas onde estudam ou pelo Conselho Tutelar do município.

O projeto “Espaço de Convivência” foi implantado em março deste ano e funciona na sede da Secretaria de Ação Social. As crianças são monitoradas por voluntárias, sendo três estudantes de Serviço Social e uma estudante de Psicologia. A assistente social Martha Vasconcelos supervisiona as atividades, que se constituem de brincadeiras, reforço escolar, exibição de vídeos e trabalhos artísticos, como pinturas e colagens.

De acordo com a supervisora do “Espaço de Convivência”, a meta é ampliar as atividades para que mais meninos e meninas em situação de risco sejam amparados. Ela disse que há o projeto de criação da Casa Abrigo, que ofereceria acolhimento em tempo integral. “Através destes trabalhos, estabelecemos vínculos com as crianças, procurando elevar sua auto-estima e reforçar os vínculos familiares e comunitários, tão importantes para a formação pessoal”, declarou Martha.

Atendimento às famílias

A Secretaria de Trabalho e Ação Social de Uruçuca também oferece acompanhamento às famílias de baixa renda e em situação de risco. Através do “Plantão Social”, são realizados encaminhamentos para outros serviços públicos, como tratamentos de saúde, emissão de documentos, orientação jurídica e benefícios sociais, a exemplo do Bolsa Família e Benefício de Prestação Continuada (BPC). Além do atendimento na sede da Secretaria, também são realizadas visitas domiciliares.

Para a secretária Alice Sena Gomes, os serviços prestados às crianças e famílias são importantes para promover a cidadania e garantir os direitos dos cidadãos. “Estamos finalizando o processo de habilitação da gestão municipal para que possamos assinar convênios estaduais e federais e trazer outros programas para Uruçuca. Assim, teremos um reforço ainda maior para as nossas ações”, informou a secretária.

Itajuipense eleita melhor bailarina no IV Festival Firmino Rocha


Representando Itajuípe no IV Festival Firmino Rocha, Raysa Farias recebeu o prêmio de melhor bailarina. Enfrentando cerca de 200 concorrentes, a jovem itajuipense, de apenas 16 anos, mostrou talento e técnica no palco do Centro de Cultura Adonias Filho, em Itabuna. O evento, organizado pela Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC), aconteceu entre os últimos dias 21 e 26, sendo os dias 21 e 22 dedicados à dança.

A jovem bailarina de Itajuípe se apresentou junto com sua companhia, “Ballet Anjos da Dança”, que disputou com 26 grupos de oito cidades da região cacaueira. A escola de balé competiu na categoria dança popular, com apresentação de dança do ventre, intitulada Aladdin.

Raysa Farias faz balé clássico há cinco anos e é professora de dança do ventre há apenas um ano na escola Ballet Anjos da Dança”, em Itajuípe. Apesar de ser autodidata na dança árabe, nunca tendo participado de aulas da modalidade, sua competência profissional foi reconhecida ao receber o prêmio no IV Festival Firmino Rocha.

Plano Nacional de Educação é discutido durante Conferência Municipal de Itajuípe



Assim como os demais municípios brasileiros, Itajuípe realizou sua Conferência Municipal de Educação, evento preliminar da etapa estadual, prevista para novembro deste ano, e federal, que acontecerá em abril de 2010. Tendo como tema central “Construindo o Sistema Nacional Articulado de Educação: O Plano Nacional de Educação, Diretrizes e Estratégias de Ação”, a iniciativa aconteceu nos últimos dias 27 e 28, no Clube Kamuá, com palestras, grupos de trabalho e plenárias.

Durante a abertura da Conferência Municipal de Educação, houve apresentação dos meninos da Banda de Nau e da aluna da Escola Municipal Otávio Portela Povoas, do Distrito de União Queimada. A comissão organizadora do evento foi formada pela Secretaria Municipal de Educação, Conselho Municipal de Educação, representantes de escolas públicas e privadas, Controle Interno Municipal, Sociedade Civil Organizada, Movimentos Sociais, Representante de Pai e Alunos.

A Secretária de Educação, Cultura, Esporte e Lazer de Itajuípe, Márcia Lima, declarou que a educação brasileira está sendo reconhecida como direito social e de autonomia dos entes federativos. “A Conferência Municipal foi uma oportunidade para que a sociedade civil organizada e o poder público discutissem de forma democrática a elaboração das propostas para a construção do Sistema Nacional Articulado de Educação”, complementou.

Falta de opções no banco do Bahia preocupa Paulo Comelli

Moysés Suzart l A TARDE

Paulo Comelli deu bronca nos jogadores e pediu cuidado com as jogadas aéreas do Fortaleza

Paulo Comelli deu bronca nos jogadores e pediu cuidado com as jogadas aéreas do Fortaleza

Para o Bahia, escalar os onze jogadores que vão entrar em campo na Série B é fácil. Difícil mesmo é montar o banco de reservas do técnico Paulo Comelli. Parece loucura, mas não é. A maior dificuldade do comandante é justamente quando é obrigado a mudar no decorrer da partida.

“No jogo passado coloquei quatro atacantes, mas não foi pelo meu gosto. Não tínhamos meio-campo. E o que aconteceu? Ananias machucou e não tinha opção”, argumentou Comelli.

O jogo que o treinador se refere foi o empate contra o Juventude [2 a 2], quando ele optou em improvisar Dedé no lugar de Ananias, machucado. “Muitos criticaram, mas não poderia recuar Beto, pois o jogador é o que mais sofre com problema de condicionamento físico. Iríamos sacrificar o time”, disse.

Beto é a maior preocupação para Comelli. “É uma substituição certa. Ele está no limite do desgaste físico, inclusive com risco de contusão”, confessou.

Para o jogo contra o Fortaleza, o time é quase o mesmo que atuou na última terça, somente com a alteração de Leandro, que volta no lugar de Marcone. Com isso, o time entra com Marcelo, Menezes, Nen e Rogério; Marcos, Leandro, Alex Maranhão, Ananias e Ávine; Beto e Reinaldo Alagoano.

Porém, o banco de reservas vai sofrer mudanças. E drásticas. Joãozinho já está fora, não só do banco, mas do Bahia. Nadson também está cortado, mas por outro motivo. “Nadson é importante, mas não agora. Ele não está bem fisicamente e vai ficar se recuperando aqui”, explicou Paulo Comelli.

Além de Nadson, mais dois jogadores não viajaram, pelo mesmo motivo, segundo o técnico: o meia Léo Medeiros e o volante Elton. “Depois do Fortaleza, teremos mais tempo para recuperação. Precisamos condicionar estes jogadores, que são importantes, mas neste momento poderiam apenas atrapalhar”, completou Comelli.

No banco, a novidade será a presença do zagueiro Vinícius, além do atacante Jael, recém contratado. Mas o problema no banco vai melhorar com a chegada de Juliano. “Ele fez um treino que me agradou muito. Espero que nosso problema no meio-campo acabe com a chegada dele”, sonhou Comelli.

Treino – Após levar dois gols em jogadas aéreas, contra o Juventude, Comelli teve uma longa conversa com os jogadores sobre os erros na jogada em que mais se treina no Fazendão. Após a puxada de orelha, o time treinou novamente bolas cruzadas na aréa, desta vez defensivamente.

A novidade foi a famosa linha de impedimento, mais conhecido como a linha-burra. Mas Comelli garante que ainda não vai utilizar a perigosa jogada, que coloca os jogadores adversários impedidos, na partida contra o Fortaleza.

“Nosso primeiro treino foi hoje (quinta-feira). Estou começando para acostumar os jogadores a fazer esta linha, mas quando necessário e de preferência dentro de casa”, assegurou Comelli. O time embarca nesta sexta-feira, 31, no início da manhã, e ainda treina logo mais em Fortaleza.

Prefeituras baianas têm redução de 13% na arrecadação

Rita Conrado l A TARDE

Prefeitos baianos estão em alerta. A redução na arrecadação de julho aponta para a perda de 13% na soma dos repasses feitos, no mês, pelo governo federal, para compensar as perdas no Fundo de Participação dos Municípios (FPM) com a crise financeira. O último será em 31 de julho.

A preocupação dos gestores é com o indicativo de que enfrentarão dificuldades no período de agosto a outubro, historicamente meses de pouca arrecadação, se uma nova alocação de recursos não for feita rapidamente.

A situação de crise será agravada, preveem os prefeitos, pela antecipação do Fundeb, em maio, e pela não-normatização daLei 11.960/09, que regula o parcelamento das dívidas com o INSS.

Em função da crise, a queda na arrecadação também terá impacto nas contas do Estado. A previsão é de queda de 14% em relação ao previsto no primeiro trimestre deste ano.

Expectativa – “A projeção de perda é de 21% em relação ao mês passado”, disse o presidente da União dos Municípios da Bahia, Roberto Maia (PMDB). Nesta terça-feira, 28, o presidente da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, defendeu a aprovação de um novo projeto de lei, pelo Congresso Nacional, que garanta mais repasses de recursos federais para compensar as perdas na arrecadação do FPM.

“Estamos chamando a atenção dos prefeitos, há dois meses, para os problemas de caixa que terão de enfrentar”, disse Ziulkoski, alertando que R$ 970 milhões do R$ 1 bilhão previsto para ser liberado até julho já foram gastos. “Portanto, se a queda na arrecadação for maior que R$ 30 milhões, já teremos problemas”, afirmou Ziulkoski.

Maia prevê o agravamento da crise nas prefeituras. “A retomada da economia não se dá no ritmo previsto pelo governo”, diz. “Além disso, os repasses são feitos em cima dos valores de 2008 e os gastos da prefeitura ampliaram este ano, especialmente com reajuste de salários”, explicou, ressaltando a antecipação do Fundeb, em maio, como outro agravante.

“Com a antecipação, feita para corrigir uma falha na distribuição dos recursos, os valores transferidos são menores”. disse. “Os prefeitos comprometerão um percentual maior da receita e, com menos recursos, há o risco de descumprirem a Lei de Responsabilidade Fiscal e ter as contas rejeitadas”, avaliou Maia. “Há também a possibilidade de os professores da rede municipal não receberem salários ou ficarem comprometidos serviços essenciais nas cidades”, afirmou.

Parcelamento – Outro fator que poderá dificultar a vida dos prefeitos baianos, segundo Maia, é a dificuldade que encontram para parcelar a dívida com o INSS, o que foi garantido com a aprovação da Lei 11.960/09, sancionada no último dia 27.

“Os prefeitos não conseguem protocolar os pedidos de parcelamento porque a Receita Federal alega não ter recebido instruções do governo federal”, afirmou. “Sem a certidão negativa de débito (CND), que a lei garante 48 horas após o parcelamento, não conseguem desbloquear recursos para as prefeituras”, diz.

“Não é possível que, mais uma vez, os municípios sofram os prejuízos”, assinalou, revelando que obras estão paradas nas cidades porque os recursos liberados não podem ser sacados pelos prefeitos que não têm a CND. Por ora, os prefeitos seguem a recomendação da UPB sobre como proceder. “Estamos tentando passar as informações às prefeituras, inclusive utilizando o nosso site”, afirmou o presidente da UPB. “Temos pressa, pois o prazo para pedir o parcelamento é 30 dias subsequentes à aprovação da lei”, concluiu Maia.

Frustração – O coordenador-geral de planejamento, acompanhamento e controle financeiro da Secretaria Estadual da Fazenda, Antônio Humberto, disse que a Bahia também tem sentido o impacto da queda na arrecadação com a redução dos repasses do Fundo de Participação dos Estados (FPE). “A queda de janeiro a junho de 2009 foi de 14%, com resultado equivalente a 86% do previsto no orçamento.

A previsão do Estado para 2009, com base em dados do governo federal, era de arrecadação de R$ 4,8 bilhões, mas essa expectativa caiu para R$ 4,3 bilhões, ou seja, 9,23% menos que o previsto antes da crise.

“Isso ocorre em função da crise econômica e em decorrência da redução da alíquota do IPI para veículos, que se reflete numa arrecadação menor”, assinalou o coordenador.

quarta-feira, 29 de julho de 2009

Manifestação por Justiça e Segurança leva jovens e pais de familia as Ruas de Ilhéus

Blog R2CPress - Roberto Rabat

Acontecerá nesta terça-feira(28), a partir das 9h da manhã, uma manifestação contra a violência policial em Ilhéus.

A concentração será na Central de Abastecimento do Malhado e percorrerá as principais ruas da cidade.

VALDISSON LEITE DOS SANTOS

O 2º Batalhão de Polícia Militar, Fórum Epaminondas Bebert de Castro, Núcleo de Direitos Humanos, Defensoria Pública e Delegacia, são os pontos da manifestação em protesto da tentativa de homicídio ocorrida no último sábado(18), no Jardim Savóia, que teve como vítima o estudante e trabalhador VALDISSON LEITE DOS SANTOS, de 23 anos, residente no alto da Legião-Malhado, pai de duas crianças(uma menina de 2 anos e um menino de 4 meses de idade). Valdisson Leite foi atingido com um tiro na cabeça, desferido pelo policial militar FABRÍCIO DO NASCIMENTO REDENÇÃO, lotado no 2º Batalhão de Ilhéus.

A FAMI-Federação das Associações de Moradores de Ilhéus, através da Associação de Moradores do Basílio, juntamente com estudantes, trabalhadores, familiares e amigos, farão uma manifestação pacífica, chamando a atenção das autoridades no cumprimento de JUSTIÇA!





O tresilhasilheus aproveita para externar apoio a esse movimento chamando á atenção para a violencia na cidade de Ilhéus, o que se ver nas ruas da cidade são jovens e pais de familia assustados com a violencia que cada dia que passa aumenta no municpio de Ilhéus.

Alunos ociosos são grande alvo para a malandragem na Zona Sul de Ilhéus

O que se ver nos arredores das escolas Moises Bohana e Horizontina Conceição escolas de ensino fundamental e médio da zona sul, localizada no Bairro Hernani Sá são alunos perambulando e sem nenhum afazer.
Basta ficar próximo a essas escolas para ver a quantidade de alunos que estão sem nada para fazer, será aulas vagas, falta de conteúdo por parte dos professores ou simplesmente matando aula, o que se sabe é que falta um grande incentivo para manter essa juventude dentro das dependências escolares.

Temos vários motivos para acreditar que a introdução de modalidades esportivas nas escolas, não só atraem as atenções dos alunos como também promove diversas alterações comportamentais. O aluno que pratica esporte, nele pode se trabalhar o seu lado atleta, sua concepção esportiva, suas aptidões físicas e o seu lado psicossocial cidadã, basta ele ter onde desenvolver essas estruturas e ter o profissional para estimular essa centelha para que amanhã sejam cidadãos de bem e estarem longe das maledicências que os cercam.
O que presenciamos ontem na frente do Horizontina conceição foi muito triste, duas garotas que não passavam de seus treze anos se digladiando, por que uma passou pela outra e a chamou de desarrumada, enquanto dois grupos delas se moviam para o incentivo ao pego e agarra, sem que nenhum preposto da escola aparecesse para o desfecho. Continuaram até quando tirei a maquina e gritei que estava fotografando para mostrar a diretora da escola.
No beco entre o caminho 19 e 20 que fica próximo ao colégio CAIC, moradores e pais que vão ali esperar seus filhos a saída do colégio, são obrigados a compartilhar com o cheiro da maconha que duas jovens que aparentam ter 14 a 15 anos toda tardizinha procuram aquele local para se alto destruírem, sem que as autoridades competentes tomem ou não tem mais poder para coibir aquela ultrajante cena.

Pelo que parece os alunos das escolas publicas hoje só são responsabilidades da escola atrás do seu muro, não cabendo nenhuma culpa se matam ou morrem na frente de suas dependências. O estado com sua contingência, desenfreada, que limita gastos com educação, ou simplesmente não está sabendo lidar com a nova geração, precisa adotar medidas cautelosas imprescindíveis nas escolas para que não se tenha que gastar tanto com a segurança pública e construções de cemitério

Vitória vai modificado para encarar o Avaí na Ressacada

André Uzêda l A TARDE

Haroldo Abrantes/Agência A TARDE
A boa pegada de Uelliton fez dele a opção do técnico para ocupar o lugar de Wallace, suspenso
A boa pegada de Uelliton fez dele a opção do técnico para ocupar o lugar de Wallace, suspenso

















As dúvidas estão praticamente sanadas. A equipe do Vitória, que viajou nesta terça-feira, 28, para Florianópolis, onde enfrenta o Avaí nesta quinta, 30, às 21 horas, terá alguns ajustes em relação ao último plantel que foi a campo diante do Coritiba.

O time provavelmente terá a volta do goleiro Viáfara, que parece recuperado do edema na coxa que o tirou do último jogo. O colombiano realizou um treinamento a parte, mas não deve voltar a desfalcar a equipe.

Ele está se recuperando bem e vai ser nosso titular. Caso volte a sentir dores Gléguer deve substituí-lo. Mas ele está relacionado para o jogo, disse o comandante Paulo César Carpegiani.

Zaga – Além do arqueiro outros setores também devem sofrer modificações para o jogo na Ressacada. Na defesa o pequeno Uelliton, de apenas 1,74 m, será o substituto do zagueiro Wallace, fora da equipe pelo acúmulo de cartões amarelos.

O substituto cumprirá a função de líbero e será escoltado pela dupla Anderson Martins e Victor Ramos na zaga. Será a segunda vez que Uelliton atuará improvisado lá atrás neste Campeonato Brasileiro.

No jogo diante do líder Atlético Mineiro, em função da suspensão dos três zagueiros, o baiano de Monte Santo assumiu a posição ao lado de Carlos Alberto e Reniê.

Com o deslocamento de Uelliton para a defesa, Vanderson passa a ocupar o lugar entre os volantes, ao lado do consolidado Magal. O pitbull rubro-negro não atua entre os titulares desde o jogo contra o Flamengo, na nona rodada.

Desde lá, Vanderson cumpriu três jogos de suspensão, por ter desferido uma cabeçada no atacante Emerson do Mengo, e viu seu espaço diminuído na equipe em função do novo esquema armado por Carpegiani.

É sempre bom voltar a equipe e poder ajudar meus companheiros. Sabemos que o jogo de lá deve ser muito difícil e que temos que organizar muito bem o meio para imprimir nosso ritmo de jogo, disse Vanderson.

Titular – No ataque outra modificação. Adriano deve voltar a condição de titular no lugar de Willian. A vaga que, ao que tudo indicava seria de Bida, após boa atuação contra o Coxa, voltará a ser ocupada por Adriano, que não jogava na sua posição de origem desde a partida contra o Botafogo, quando assinalou seu único gol no campeonato.

O Bida não tem condições físicas de atuar os 90 minutos. Isso eu posso garantir. Ele perdeu sua forma ideal quando ficou afastado paranegociar sua saída do time. Adriano pode ser a opção já que é um segundo atacante de origem e vamos precisar de um homem veloz lá na frente, relatou o técnico.

As modificações, ao contrário do que podem sugerir a primeira vista, não alteram o esquema de jogo do Leão. Carpegiani manterá o mesmo modelo que vem garantindo a boa campanha do Leão. O time ganhou bastante identidade jogando desta maneira, sentenciou satisfeito o gaúcho.

terça-feira, 28 de julho de 2009

Dai a César o que é de César.

Um dos índices que medem o grau de desenvolvimento humano de uma cidade está na capacidade de sua população de fazer valer os seus direitos. É verdade que Ilhéus nesse quesito ainda anda muito aquém do desejado. Inegável também o fato de que a chamada sociedade civil ilheense vem, aqui e ali, dando mostras de que pretende reverter esse quadro. Belo exemplo disso foi a implacável manifestação desta mesma sociedade em 2007, quando do impecheament do então prefeito Valderico Luiz e, numa promoção inequívoca da imprensa na ajuda da conscientização da manifestação popular, nas ações cíveis da sociedade organizada e principalmente, na atuação firme do presidente do Legislativo local naquela oportunidade, Alisson Mendonça, e seus pares. Não podemos deixar de citar também, que o fraco secretariado de Valderico Luiz, o ajudou a enterrá-lo politicamente, não numa cova, mas, num mar de lama. Outros exemplos de manifestações vêm acontecendo na cidade, sempre de forma pacifica, mas, contundentes nas suas palavras de ordem. Passeatas dos agricultores, manifestações dos tupinambás, movimentos dos enfermeiros, dos estudantes, servidores do judiciário, servidores público municipal, polícia civil, professores e tantas outras classes que buscam melhores salários, condições de trabalho e cumprimento das legislações pertinentes de cada categoria. O crescimento da participação popular tem se mostrado também no freqüente posicionamento da opinião pública sobre os variados assuntos, dentre eles a questão do suposto “mensalinho” aqui em Ilhéus, e que até o momento não foi esclarecido e a sociedade espera um parecer final do Ministério Público Estadual e/ou da Polícia Federal. O último apitaço na cidade de Ilhéus ocorreu alguns dias atrás, em frente à Prefeitura Municipal, numa proposta de reinvidicação do cumprimento do TAC, assinado em 20 de novembro do ano passado, quando os concursados exigiam convocação imediata dos aprovados. A luta dos concursados vem de meses, numa perseverança salutar dos seus líderes, Juarez Moreira (secão), José Geraldo, Mário Jackson e este humilde articulista. A luta foi árdua e cansativa, mas, vencemos a 1ª etapa com a Publicação da Convocação Pública nº 004/2009. É importante salientar que esta comissão de negociação teve e terá o apoio irrestrito e suporte jurídico do Advogado Wenceslau Júnior. Mas, sozinhos, esta comissão não teria êxito, caso não tivessem também o respaldo dos vereadores Paulo Carqueija, Dinho Gás, Walmir de Inema, Jailson Nascimento, Professora Carmelita e Alisson Mendonça e a fundamental intercessão do Sindicato dos Radialistas de Ilhéus-STERT-I, nas negociações já à noite, por volta das 19:30min do último dia 23, no Palácio Paranaguá. E a imprensa? Nada seria fácil sem a participação efetiva dos formadores de opinião desta cidade. Seja na divulgação, na informação e principalmente na cobrança da convocação dos aprovados. Em nome da comissão nossos agradecimentos a Vila Nova, Maltez de Athaíde, Júlio César, Luck Rei, Gil Gomes, Job Veríssimo, Marinho Santos, Blog do Gusmão, Agravo, A Mala Direta, A Borduna, Cravo Sem Canela, Sarrafo na Madrugada, Site de Rabat, Pimenta na Muqueca, Bahia Online e Diário de Ilhéus. Apesar da alegação das dificuldades da Prefeitura de Ilhéus na queda do repasse do FPM, das enxurradas de precatórios, processos trabalhistas de pequenos valores e conteúdo do Decreto 053/2009 expedido recentemente pelo executivo, uma luz começou a aparecer no fim do túnel: Não renovação dos contratos individuais de trabalho, não renovação do contrato com a DNA, reposição da mão de obra por desvio de funções e finalmente, gradativamente, enxugamento da máquina pública. Lei de Responsabilidade Fiscal adequada à nova realidade e, já a convocação imediata, via decreto, de 73 guardas municipais. Sabemos que é pouco, mas, é o início de uma luta. Serão setenta e três pais de famílias que começarão a respirar o ar da vitória, a história de uma nova vida, uma vida com dignidade. Criticamos quando foi preciso criticar, enaltecemos quando é preciso. E, não podemos deixar de ser justo e de agradecer ao Secretário de Administração, Sr. Abelardo Andréa, pelo comportamento de homem público sério, coerente e humano. Pelo seu compromisso assumido com nossa comissão e pela responsabilidade e seriedade como vem conduzindo a sua pasta. Apesar de poucos dias a frente da secretaria, conseguiu cumprir o TAC, evitar multas para PMI, evitar desgaste para o gestor e, deixar, mesmo que parcialmente, pais de famílias satisfeitos. Abelardo se destaca pela articulação com outras secretarias e principalmente, na sua habilidade de diálogo. Nossos agradecimentos também ao Capitão João Carlos (GMI), Comandante Pedro (presidente do Sindguardas-Ba), Guardas Municipal Vital Soares e Nerildo Caló, Luiz Cláudio (presidente do Sinsepi) e ao competente CAP Jacome, 2° BPM. O governo sabe que não está nada mais que fazendo sua obrigação, nada mais que cumprindo o que a lei determina. De parabéns também ao Ministério Público do Trabalho, de parabéns a 3ª Vara da Justiça do Trabalho em Ilhéus. De parabéns ao Senhor Prefeito Newton Lima, que começa a entender que o quesito QI (quem indica), precisa acabar em Ilhéus e, que lei não se discute, se aplica! Por enquanto é o início da peleja. Queremos ainda para este ano, mesmo que por etapa, convocação dos outros 127 guardas municipais, todo pessoal aprovado no concurso de Fiscal de Postura, Psicólogos, Professores e Auxiliares de serviços gerais.O fardo é pesado, mas a comissão estará diariamente e incessantemente fazendo valer nossos direitos, os direitos de centenas de homens e mulheres, filhos de Deus.

domingo, 26 de julho de 2009

Triste Ilhéus, desnorteada pede ajuda aos que sempre á maltratou

Ruas e avenidas ganham obras de infra-estrutura,Turismo é destaque na região cacaueira, Programas Sociais são Ampliados, Educação estimula dialogo permanente com a sociedade, Esperança para a agricultura sul baiana, Estradas recuperadas e assistência ao produtor, Obras mudam visual da cidade, Servidores e credores recebem em dia, Cidade está mais limpa e iluminada, Esporte ganha novo impulso, Ilhéus produz 25% dos computadores do país, Participação ativa da sociedade para reconstruir o município, Shopping na rua novo conceito em comercio, Saúde é reestruturada e melhora atendimento, Município facilita acesso do cidadão à justiça, Ilhéus na vanguarda da cultura, Ilhéus é bom te ver feliz assim, Ilhéus me fascina por sua beleza.

No ultimo dia 28 de junho fez um ano, nada mais do que um ano que os ilheenses leram esses títulos no INFORME PUBLICTÁRIO especial do Jornal atarde edição de 28 de junho de 2008, homenageando os 474 anos de beleza e história da cidade de Ilhéus. Hoje precisamente 01 ano e vinte nove dias depois, pego esse mesmo informe e começo a reler, e fico pensado será que esse ano teve informe com tantas noticias importantes para a cidade de Ilhéus. É tão bom quando se tem ações dessas na cidade, o povo vive sorrindo, alegre, encara os problemas financeiros do dia a dia com mais tranqüilidade, por que sabe que se o bolso não vai bem , mais a cidade vai e quem sabe se não melhora a situação na geração de emprego e renda, não desperta o interesse de investidores na cidade, os turistas não resolvem a freqüentar Ilhéus novamente e a cidade começa a gerar recursos próprios, para que noticias como a que lemos no ano passado seja uma Constancia. E voltemos a ter orgulho da nossa querida e respeitada Ilhéus.


Roberto Corsario

Vitória sonha em vencer o Coritiba para voltar ao G-4

Paulo Simões, do A TARDE

Se a ocasião traz vantagem para o Vitória, ou vice-versa, só o tempo vai dizer. Mas o certo é que o confronto do Leão contra o Coritiba, às 18h30 deste domingo, 26, pela 14ª rodada do Brasileiro, é uma antecipação da estreia de ambos pela Copa Sul-Americana. Baianos e paranaenses vão se enfrentar novamente pelo torneio continental em 13 de agosto, às 19h15, no Barradão, no jogo de ida. A partida de volta será às 20h15 do dia 25, no Estádio Couto Pereira, em Curitiba. E no segundo turno do Nacional.

Para o técnico Paulo César Carpegiani, da mesma forma que seu time tem chances claras para retornar rápido ao G-4 do Brasileiro – ele prometeu isso ainda em São Paulo, após a partida contra o Timão – pode também superar o primeiro obstáculo na competição em que o Leão debuta por conta da boa performance no campeonato de 2008.


Para o jogo de hoje, Carpegiani pode contar com o time completo, incluindo o zagueiro Wallace, que recebeu um cartão amarelo contra o Corinthians e imaginava ser o terceiro da série. Mas foi apenas o segundo.

Com todo o grupo à disposição, o treinador pode repetir o esquema 3-5-2, mas vai trabalhar a cabeça do atacante Roger. A ineficiência do artilheiro foi um dos motivos da derrota rubro-negra no Pacaembu. O técnico gaúcho deu a entender que todo o time necessita de mais consistência se o objetivo for retornar ao grupo de elite. Indireta para todo o grupo e não somente a Roger. Não foi o artilheiro o único a errar nas muitas jogadas de gol.

Desfalques – Já o Coritiba, que perdeu um mando de campo por conta da briga de sua torcida com a do Atlético, no clássico regional, não contará com dois jogadores importantes no esquema de René Simões: o meia Carlinhos Paraíba e o atacante argentino Ariel Nahuelpan. Ariel sentiu contusão no joelho e nem sequer atuou no empate com o Sport, quinta-feira, por 1 a 1, no Couto Pereira.

No mesmo jogo, Carlinhos Paraíba recebeu o terceiro cartão amarelo, deixando o treinador obrigado a recorrer ao banco.


Paraíba era um dos cinco jogadores do Coxa pendurados por cartões. Os outros são o lateral-direito Rodrigo Heffner, o meia Marcelinho Paraíba, o zagueiro Demerson e o volante Leandro Donizete. René Simões vai se sentir em casa. Em 2005 dirigiu o Vitória do início ao final da temporada, que acabou trágica. O time caiu para a terceira divisão, determinando mudança radical na sua direção.

quinta-feira, 23 de julho de 2009

Triste Bahia

Iceia tem aulas suspensas após uma semana sem limpeza das instalações

A TARDE On Line


Desde a última terça-feira, 21, estão suspensas as aulas no Colégio Iceia, no Barbalho. De acordo com o professor de educação física Oduvaldo Bento, há três meses os sete funcionarios do setor de limpeza estão sem receber salários e deixaram de prestar o serviço na unidade. O resultado são salas de aulas, corredores e banheiros imundos, sem condições de ensino para professores e alunos.


São cerca de dois mil estudantes prejudicados. Bento comenta que amanhã não haverá aula. Professores e alunos se reuniram na escola nesta quinta-feira, 23, e planejam um protesto para a próxima segunda-feira, caso a situação não seja resolvida.


A diretora da escola, Denise Cardoso, disse que alguns funcionários da limpeza chegaram a fazer rodizíos, mas há uma semana deixaram de trabalhar quando a situação financeira se tornou insustentável. "E sabemos que é impossível trabalhar em um ambiente sujo", lamentou a diretora.


Por meio de sua assessoria de imprensa, a Secretária de Educação informou que os pagamentos dos funcionários do serviço de limpeza estão sendo regularizados junto às empresas terceirizadas. O órgão assegura que reuniões vêm sendo realizadas com as prestadoras de serviço para que haja acompanhamento da situação trabalhista dos funcionários.


fico triste quando vejo em um meio de comunicação matéria igual a esta que retirei do Atarde on line, fui aluno do ICEIA- instituto Central Isaias Alves no Barbalho, onde fui criado, principal centro de formação de magistério da Bahia, pude ter o prazer de ter como Diretora a nossa Saudosa D. Italia, quanto tempo de saudade do ilustrissimo professor Pinto uma assumidade da educação fisica daquela hoje decadente unidade.

tenho muito orgulho de dizer que naquela época, pude praticar atletismo, handebol, futsal, salto em altura sem falar de meia hora de aquecimento para poder participar das modalidades esportivas, hoje somos pegos de surpresa com uma matéria infame de total abandono por um bem público que tanto deu a Bahia, grandes assumidades na area da educação. pelo visto excelentissimo Governador Jacques Wagner o senhor gostou muito desse bordão, TRISTE BAHIA.

quarta-feira, 22 de julho de 2009

Grupo Escolar da Proa pede socorro






O colégio de ensino fundamental de 1ª a 5ª série, denominado de Grupo Escolar da proa Mantido pelo estado ou município não se sabe, está pedindo socorro, falta material de expediente, de limpeza etc., suas dependências estão debaixo do mato, há uma área verde que as crianças se degradem com o mato para tentar jogar uma bolinha, uma picula, um garrafãozinho como era de costume, mais o mato não deixam. Questionamos com uma fonte e a mesma nos passou que a verba para esses serviços vem, pouca mais vem, a questão é que já estamos no sétimo mês do ano e até agora só veio a 1ª parcela, e que a DIREC não tem nem pra eles. Pode? Será o São Wagner ou será o São Newton, o que se sabe é que as crianças merecem um pouco de respeito e dignidade, para sua alta estima não cair em desgraça, senão o fundo do poço e a má formação educacional, profissional crescem para aumentar o exercito dos desempregados, marginais e drogados que cada dia amplia suas fileiras. Acorda Wagner, acorda ele Newton, ou senão durmam para sempre que o tempo é curto e vocês passam rápido.

Falta manutenção nas valetas do Bairro Nelson Costa





As valetas que ficam na área da Infraero que a manutenção é de responsabilidade da Prefeitura estão todas tomadas pelo mato, o município o ano passado fez uma obra de drenagem nas Ruas Bem Me Quer, Rosa Amélia e na Mem de Sá (próximo a Mangueira) trocando manilhas, limpando e refazendo caixa de sarjetas, consertou todos os paralelos que os moradores quebraram para forçar a ação do município, na mangueira colocou vinte e oito manilhas até uma das valetas, obra grande e caríssima feita pela empreiteira MONTANHA, resolvendo os problemas de enchentes que havia nessas ruas quando chovia, só que de lá pra cá não fez a manutenção das valetas que dão vazão as águas pluviais. Está sendo um Deus nos acuda quando chove, tudo voltou a alagar as casas, moradores reativaram seus botes e canoas, ainda bem que não se desfizeram dos mesmos, as muriçocas e ratos não dão sossego aos moradores principalmente dentro da área da Infraero que o capim toma conta. E agora São Jorge dos Ilhéus que será da comunidade do Nelson Costa? O Decretão maligno vai até 2010 só se for por calamidade para investir o erário. O negócio é apelar para são Pedro, alevinos e ratoeiras, ajam ratoeiras.

A Casa vai cair!!!!!







Ainda não, mais falta pouco, pra cair a do secretário de obras por falta de atenção aos buracos da cidade e as redes pluviais em especial a do buracão que existe na frente da única creche do município localizada na zona sul, Creche Dom Eduardo que por sinal, está fechada ha uma semana por que o telhado estava caindo, aproveitando para fazer jus ao secretario de educação Sebastião Maciel, quando soube que a casa ia cair digo a creche, foi ao local e suspendeu logo as atividades, para poder consertar, o problema está na demora para começar o conserto, é sabido por todos que o gestor decretou o não faz nada ate 2010, e as emergências tem que passar por ele para avaliar primeiro. Como se trata do telhado da creche do município não tem pressa, por que as criançinhas que estudam lá não precisam da alimentação, seus pais não trabalham o dia todo, e os professores não precisam cumprir o calendário escolar.


A secretaria de serviços urbanos continua sem organização ou fazem de sacanagem, há 04 dias foram roçar a creche Dom Eduardo e não enxergaram esse matagal e o lixo amontoado na porta (ao lado do buraco de responsabilidade da secretaria de obras) conforme foto. Será o São Carlos ou será São Freitas?

É preciso revogar esse decreto maligno para a cidade tomar seu rumo, os buracos em todos os seus sentidos já estão mostrando o seu fundo, gestor que se respeita enfrenta as dificuldades com audácia, responsabilidade e criatividade, no ano passado fez, e não teve ajuda de fora, ou teve? Por que agora não faz?


Secretários se não tem dinheiro para trabalhar, entreguem o cargo, gestor se não tem competência administrativa e política, aliás, política não tem, cai fora enquanto é tempo.

Semáforo dificil TCHÊ




Só porque O Hospital Santa Isabel, está fechado, a Secretaria de Transporte e Transito retirou o semáforo que ficava em frente ao referido hospital e levou para a Zona Sul. O mesmo foi feito com o semáforo da Barra. É simplesmente demais. Fantástico.

Aproveitamos esse trecho de matéria publicada em um blog, para reiterar com certa preocupação a esta transferência do supracitado para a entrada da Urbis, que ora não está funcionando por burocracia interna que sabemos, depende de alguns ilustríssimos senhores de tal, aliás, vamos ver se fazemos (um passo a passo) de compra dessa determinada peça, para o semáforo funcionar e daí ter uma idéia como funciona as atividades administrativa financeira de uma Prefeitura. Vamos lá, Iniciar-se através da secretaria de transito um requerimento para compra de uma peça para o semáforo, assinatura do requerente, em seguida do secretario, segue em processo para o setor de licitação, publica-se, abre cartas, ganha quem? Segue para setor de compras, setor de compras emite uma solicitação de despesas para finanças, que sobe para discutir com o Gestor, as providencia mais urgentes, empreiteiros atrasados, Folha de funcionários, despesas com material de escritório e limpeza, morro que está com a ribanceira despencando, a folha dos comissionados que já está virando, ajuda para festa que nos dará visibilidade, complemento de duodécimo, dindin da outra secretaria que usou no mês passado, senão fecha o tempo, ah! E a peça só compra em São Paulo e avista, quando encaminhar via deposito em conta, tem que aguardar compensar o cheque, não esqueça que é cheque de Prefeitura, demora pelo menos três dias, por que é da nacional e se tiver sorte e não houver seqüestro por esquecimento dos repasses do INSS, que agora é debitado direto pelo Receitão dois em um, e se tudo isso correr certinho seguindo os tramites legais teremos o semáforo da Urbis funcionando antes do aniversário daquele acidente que culminou numa manifestação publica conforme fotos. Ia esquecendo a principal parte de todo esse passo a passo tem que ir e voltar pela controladoria. Obs. Já pensou se alguém adoecer, esquecer de dar o visto ou o carimbaço, não pode substituir por que tem decreto proibindo substituir, e se alguém errar o valor e já estiver no final do passo a passo? É vamos falar agora sobre os quebra molas do bairro... - Ta doido... Depois do semáforo? É melhor mudar a entrada do Bairro da Urbis.

terça-feira, 14 de julho de 2009

Falta planejamento nas ações municipal de Ilhéus para com o Bairro piloto do Programa Prefeitura Cidadã








Localizado na Zona Sul de Ilhéus o Bairro Hernani Sá, construído em 1986, escolhido para ser o Bairro piloto no programa Prefeitura Cidadã do governo municipal no ano de 2001, é o Bairro em ilhéus que detém toda uma estrutura de esgotamento sanitário, rede pluvial, pavimentado, posto medico, central de abastecimento, 03 escolas de ensino fundamental e médio, abriga a APAE, vários seguimentos evangélicos e uma católica, grande estrutura comercial a exemplo da praça de alimentação. O Bairro foi todo planejado, embora já existir toda essa estrutura o Hernani Sá precisa de manutenção em suas calçadas e ruas, podas, roçagem, coleta de lixo, iluminação pública, manutenção dos equipamentos de lazer etc. O problema está quando o poder público resolve fazer essas intervenções periódicas e diárias, faz sem o menor planejamento e organização, se faz a roçagem e capinagem das calçadas, limpeza do canal e das praças, deixa o lixo nas esquinas para retirar depois que os moradores vão para os meios de comunicação reclamar, iluminação sempre a mesma historia, não têm material, as quadras gastou-se para reformar, mais a reforma ninguém viu, o posto falta medico/medicamentos, respeito por parte de alguns funcionários para com o cidadão que ali procura atendimento, a central de abastecimento está podre em todo aspecto, falta estrutura para a feira, padronização das barracas, abrirem os boxes fechados, consertar o telhado, uniformizar feirantes, estruturar os pequenos agricultores para trazer seus produtos para a central etc. Por esses pequenos detalhes o Bairro Hernani Sá vive momentos de grande apreensão, até por que não é um bairro qualquer, é um dos mais politizado da cidade, onde existem diversos seguimentos formadores de opinião, tem em sua associação de moradores seu principal equipamento de reclame, seus membros formados por diversos seguimentos sócios político do Bairro, com Conselho de Segurança, e varias entidades representativas. Sem duvidas nenhuma o Bairro Hernani Sá não pode e nem deve está passando por essas mazelas administrativas municipal.

segunda-feira, 13 de julho de 2009

O CAIC continua sem solução









Nas suas mínimas coisas que é a limpeza e a segurança o CAIC – Centro de Atendimento Integral a Criança, no Bairro Hernani Sá continua sem a devida atenção por parte do executivo municipal. O portão principal que dar acesso ao conjunto da FAELBA e que serve de entrada pelos alunos que vem da Barreira, Ilhéus II, Nossa Senhora da Vitoria e adjacências, continua fechado, forçando as crianças que por ali transitam a cortar caminho pelo lixão, lixão que até agora o município não conseguiu resolver com os donos daqueles terrenos, se mura ou se cercam os seus devidos imóveis. O que se ver é as comunidades da zona sul continuando a jogar lixo no local e a prefeitura gastando o erário publico para a limpeza periódica daquela área. Sem as menores condições de existir naquele local por causa das salas de aulas da educação infantil que funcionam a menos de 20 metros, o lixão continua ativo e causando grande preocupação aos pais, por conta das varias doenças causadas pelo lixão, exemplo, leptospirose que já é uma grande preocupação na região causada pelos ratos, à febre tifóide, a dengue pelo acumulo de água nas áreas encharcadas nos dias de chuva entre outras endemias que são provenientes do acumulo de lixo em locais impróprios.Dentro CAIC o que se ver, é que até agora não foi providenciado o porteiro para o portão principal, continua com um homem na limpeza e manutenção da área externa, muito lixo acumulado como mostra as fotos.

Percebe que os 02 campos de futebol foram transformados em 01 por falta de roçagem, quem perde é as crianças e a comunidade que não tem como usar aquele espaço, a quadra poliesportiva continua sendo usada normalmente mesmo com o teto todo podre, quem assumirá essa responsabilidade?

Enquanto estive presente nas dependências do CAIC, onde também funciona o NUCLEO DA MULHER, percebi que algumas pacientes da Drª Maina ginecologista pelo menos foi o nome que as mesmas nos deram, não está mais atendendo naquele núcleo e elas buscam o posto do Nelson Costa para tentar uma consulta mais o que está sendo informado é que lá só atende pessoas se for moradora do Bairro, questionada uma das pacientes que é idosa, disse que é moradora do Hernani Sá e já tem um relacionamento de medico e paciente, costume com a Drª Maina.

Nós continuamos atentos a falta de atenção aos 1.700 alunos que são assistidos pelo CAIC diariamente, e continuaremos fiscais desse patrimônio da Educação e dos moradores da zona sul, finalizo como pai de 02 alunos, morador do Hernani Sá, e membro do colegiado do CAIC

Roberto de Jesus conhecido como Corsário.

domingo, 12 de julho de 2009

Vitória vence o Santos de goleada se mantém em terceiro no Brasileirão


Goleada manteve o time da terceira colocação

Dezoito mil pessoas foram ao Barradão neste domingo, 12, e tiveram a chance de ver a goleada histórica do Vitória por 6 a 2 contra o Santos. Com um desempenho muito bom dentro de campo, o time de Paulo Carpegiani mereceu o placar e poderia ter feito até mais gols. O resultado mantém o Vitória em terceiro lugar no Brasileiro 2009 e confrma os 100% de aproveitamento do time dentro do Barradão, onde tem cinco vitórias em cinco jogos. Após 10 jogos, o Rubro-Negro está com 19 pontos conquistados, apenas dois a menos que o líder Atlético-MG.


A superioridade do Vitória pôde ser sentida logo aos três minutos do primeiro tempo, quando um vacilo do goleiro Douglas foi suficiente para Roger abrir o placar. Com muita velocidade no contra-ataque, o time era imbatível diante da marcação falha do Santos. A maior prova disso é que aos 15 minutos Roger fez o segundo gol e se estabelece na artilharia do campeonato junto com Felipe, do Goiás. Ambos têm sete gols marcados.


A goleada se concretizou com outros dois gols no primeiro tempo. Aos 24 minutos Willian recebeu um cruzamento dentro da área e marcou com categoria. E aos 28 minutos Victor Ramos ampliou o resultado depois de Leandro Domingues cruzar a bola no meio da área.


VACILO – O único vacilo do Vitória no primeiro tempo veio aos 45 minutos, quando Victor Ramos cometeu um pênalti desnecessário em cima do jogador Pará. Kléber Pereira bateu no canto esquerdo e finalizou os primeiros 45 minutos com 4 a 1.


No segundo tempo o Santos voltou com mais fôlego e ensaiou jogadas de risco. Aos 16 minutos Paulo Henrique reduziu a diferença com uma cabeçada certeira no canto do gol de Viáfara. Mas o placar não reduziu o ânimo do Leão, que aos 27 minutos marcou o quinto gol depois de Leandro Domingues bater um pênalti com categoria no canto esquerdo do goleiro Douglas. O último gol veio aos 33 minutos, em uma bela jogada de Roger, que dominou no fundo de campo, tocou para trás e Jackson apareceu com tudo para tocar a bola para dentro do gol.


Comandado pelo ex-técnico do Vitória Vagner Mancini, o Santos perdeu duas posições com a derrota e ocupa agora a 11ª colocação, com 13 pontos ganhos em 10 jogos.

Eduardo Martins/Agencia A TARDE







sexta-feira, 10 de julho de 2009

Evangélicos de Itacaré realizam Primeira Marcha para Cristo

Evangélicos de diferentes denominações participarão da 1ª Marcha para Cristo em Itacaré, que acontece neste final de semana, na Praça do Canhão. As atividades começam a partir das 19 horas deste sábado (11), com shows musicais e evangelização. O ponto alto do evento será no domingo (12), quando será realizada uma grande marcha pelas ruas do Centro da cidade, às 16 horas.

Organizada pela Ordem dos Ministros Evangélicos de Itacaré (OMEDI),a 1ª Marcha para Cristo terá como preletor o conferencista internacional, pastor Denílson Lima. A animação do evento ficará por conta de grupos locais e atrações nacionais como: Paulo André, Gerson Rufino, Banda Maná Brasil, Conceição Cabral e Ministério de Louvor Celebrai.

Além do caráter evangelístico, a 1ª Marcha para Cristo de Itacaré também terá caráter social. Serão realizados sorteios de vários brindes entre aqueles que doarem dois quilos de alimentos não perecíveis. Os produtos arrecadados serão doados a famílias de baixa renda do município.

Itacaré foi divulgada no 4º Salão de Turismo


Pela primeira vez, Itacaré esteve representada em um dos maiores eventos turísticos brasileiros, o Salão de Turismo – Roteiros do Brasil. O município integrou o estande da Bahiatursa, levando material informativo institucional e comercial para a quarta edição do evento. Realizada no Centro de Convenções do Anhembi, em São Paulo, a feira promovida pelo Ministério do Turismo atraiu mais de 100 mil pessoas entre os últimos dias 1º e 05.

A secretária municipal de Turismo, Diana Quadros, considerou muito importante a participação do município no evento para conhecer as novas tendências do mercado turístico e manter contatos com operadoras e agências de viagem. “Queremos que Itacaré acompanhe essas as exigências para se consolidar ainda mais como destino”, afirmou.

Além da Feira de Roteiros Turísticos, seção em que Itacaré foi representada, o 4º Salão de Turismo contou ainda com apresentações culturais, reuniões, debates, palestras, rodadas de negócios, além de apresentações de trabalhos científicos e projetos. Para a secretária Diana Quadros, estar no evento foi oportunidade ímpar para observar o quanto o setor turístico nacional vem crescendo e se profissionalizando.

O 4º Salão de Turismo – Roteiros do Brasil foi a segunda incursão de Itacaré em eventos turísticos de grande porte, sendo a primeira a 15ª BNT – MERCOSUL Bolsa de Negócios, realizada em maio. E o município já tem participação garantida no Encontro Nacional de Turismo (Entur) da Bahia, que acontecerá nos dias 13 e 14 de agosto, em Salvador.

De acordo com o prefeito Antônio de Anízio, mesmo com as dificuldades financeiras que o município vem enfrentando, é necessário ampliar as estratégias de divulgação de Itacaré enquanto destino turístico. “Para os próximos anos, queremos montar uma estrutura maior, com mais materiais informativos e produtos que levem a marca do município para outros países e estados brasileiros”, complementou.

Pescadores e marisqueiras de Itacaré participam de Conferência Estadual

Itacaré será representada na 3ª Conferência Estadual de Aquicultura e Pesca por uma comitiva formada por 15 pescadores e marisqueiras do município. Eles integram a delegação do Litoral Sul, composta por representantes de Ilhéus, Canavieiras, Ubaitaba e Una. O evento acontecerá entre os próximos dias 13 e 15 em Salvador.

Os pescadores e marisqueiras das zonas urbana e rural de Itacaré serão acompanhados por membros da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente, que arcará com parte dos custos da viagem à capital baiana. Para o titular da pasta, Ricardo Brazão, a participação do município será fundamental para que todos possam acompanhar as novas políticas do governo federal e inserir suas reivindicações nas propostas que serão levadas à etapa nacional da Conferência, prevista para o mês de outubro, em Brasília.

Segundo o diretor de Aquicultura e Pesca, Carlos Odilon, entre os pedidos de Itacaré estão maiores apoios para as marisqueiras e fiscalização da pesca predatória. “Além de prejudicar o meio ambiente, os pescadores artesanais não têm estrutura para competir com os barcos de grande porte vindos de outras regiões. Assim, os peixes e crustáceos estão desaparecendo cada vez mais da nossa costa”, complementou.

O objetivo principal da Conferência Estadual de Aquicultura e Pesca é discutir as políticas de apoio às atividades pesqueiras específicas da Bahia, como direitos sociais dos pescadores e marisqueiras, incentivo ao associativismo e acompanhamento da cadeia produtiva. Os 44 delegados que representarão o território Litoral Sul foram eleitos Plenária realizada no dia 27 de maio, em Itacaré.

quinta-feira, 9 de julho de 2009

Educação aprova projeto que dissemina produção científica na internet

A Comissão de Educação e Cultura da Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (8) o Projeto de Lei 1.120 de 2007, do deputado Rodrigo Rollemberg (PSB-DF), que prevê a disseminação de produção científica na internet. O objetivo do projeto é democratizar o acesso à produção de instituições públicas e de pesquisas financiadas pelo poder público.

O projeto prevê que todas as instituições públicas de ensino superior serão obrigadas a construir depósitos de conteúdos digitais para armazenamento de toda produção técnico-científica, que será disponibilizada no site do Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT).

Também os pesquisadores, que receberem apoio financeiro dos governos federal, estadual ou municipal para suas pesquisas, serão obrigados a depositar uma cópia da publicação e do resultado dessas pesquisas. O IBICT ficará responsável por orientar tecnicamente as instituições de ensino e as unidades de pesquisa para a construção dos repositórios.

O projeto ainda prevê que ficarão inelegíveis para obtenção de qualquer apoio financeiro para suporte às pesquisas as instituições ou unidades de pesquisa que não se adequarem as novas regras.

Na avaliação do autor da proposta, a disponilibilização pública de conteúdos digitais, sua proteção legal e a garantia de acesso aos seus produtos derivados são fundamentais para alimentar as cadeias culturais, artísticas, educativas e científicas do país.

Favorável ao projeto de lei e às emendas adotadas na Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática, o relator do projeto, deputado Átila Lira (PSB-PI), acredita que a proposta tem o indiscutível mérito de democratizar o conhecimento científico das instituições de ensino. "A disponibilização pública de conteúdos digitais, sua proteção legal e a garantia de acesso aos seus produtos derivados são fundamentais para alimentar as cadeias culturais, artísticas, educativas e científicas", assinalou o relato.

Tramitação – O projeto ainda será apreciado pela Comissão de Constituição e Justiça, se aprovado, segue para o Senado.

Câmara aprova o projeto da reforma eleitoral

O Plenário aprovou, nesta quarta-feira, o projeto de lei da reforma eleitoral, que muda regras da atual legislação e incorpora resoluções recentes do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Uma das principais novidades é a liberação do uso da internet nas campanhas, seja para a propaganda de candidatos e partidos ou para a arrecadação de recursos, inclusive por meio de cartão de crédito. A matéria será votada agora pelo Senado.

Aprovado na forma de substitutivo do deputado Flávio Dino (PCdoB-MA), o Projeto de Lei 5498/09 também obriga o eleitor a apresentar um documento com a sua fotografia no momento do voto, com o objetivo de coibir fraudes. Os fraudadores agora terão, no mínimo, o trabalho de trocar a foto", afirmou Dino. Segundo o texto, o eleitor não poderá levar para dentro da cabine de votação telefone celular, máquinas fotográficas ou filmadoras.

O projeto facilita iniciativas de apoio a campanhas, como por exemplo a cessão de uma casa para o funcionamento de um comitê de candidato: o texto fixa em R$ 50 mil o valor, calculável em dinheiro, da doação relativa ao uso de bens móveis ou imóveis de pessoa física para um candidato ou partido. O limite atual é de 10% dos rendimentos brutos ganhos no ano anterior ao das eleições.

Participação feminina

Quanto à garantia de mecanismos para estimular a participação feminina na política, houve ganhos e perdas em relação ao texto original do projeto: o substitutivo aprovado diminuiu de 10% para 5% a quantidade mínima dos recursos do fundo partidário que o partido deve usar para criar e manter programas destinados a promover a participação das mulheres na política partidária. Entretanto, foi incluída no texto punição para o partido que não cumprir essa regra. Se esse percentual não for respeitado, no ano seguinte deverão ser acrescentados a ele mais 2,5% dos recursos do fundo. Nas propagandas fora de anos eleitorais entre as 19h30 e as 22 horas no rádio e na TV, pelo menos 10% do tempo terão de ser usados para promover e difundir a participação das mulheres. A versão original do texto fixava esse índice em 20%.
Outro avanço para estimular a atuação feminina na política partidária é determinação mais explícita de que ao menos 30% dos candidatos sejam mulheres.

Coligações

Um destaque aprovado pelo Plenário retirou do texto a necessidade de verticalização das coligações regionais e nacionais para que um partido político use, no horário eleitoral gratuito de campanhas regionais, a imagem e a voz de candidato ou militante de outro partido a ele coligado apenas em nível nacional. A verticalização não é mais obrigatória nas eleições brasileiras depois de uma emenda constitucional aprovada pelo Congresso em 2006. Ela impunha, aos partidos que se coligassem, a observância da mesma aliança em níveis regionais e nacional.

Campanhas entram na era do twitter e do orkut

Uma das inovações relevantes do Projeto de Lei 5498/09 é a regulamentação do uso da internet nas campanhas. Pela proposta, após o dia 5 de julho do ano das eleições os candidatos poderão pedir votos por meio das páginas eletrônicas de partidos ou coligações, desde que o endereço seja comunicado à Justiça Eleitoral e hospedado, direta ou indiretamente, em provedor estabelecido no Brasil.

Poderão ser usados emails, blogs e outras redes de relacionamento (como orkut e twitter), seja por iniciativa dos partidos, dos candidatos ou de qualquer pessoa. A proibição recairá apenas sobre as páginas de empresas com ou sem fins lucrativos; as destinadas a uso profissional; e as oficiais. Quem infringir essa regra estará sujeito a multa de R$ 5 mil a R$ 30 mil.

Propaganda
O projeto proíbe a veiculação de qualquer tipo de propaganda paga na internet, com possibilidade de aplicação de multas de igual valor. Para evitar a formação de um mercado de cadastros de endereços eletrônicos, fica proibida a venda desse tipo de banco de dados.

Já as entidades proibidas por lei de fazer doações às campanhas, como governos estrangeiros, concessionários de serviços públicos ou sindicatos, não poderão fornecer cadastros de emails de seus clientes, ainda que gratuitamente.

Entre essas entidades proibidas de fazer doações, o texto aprovado inclui as esportivas que não recebem recursos públicos.


Para coibir o uso de spam (mensagem automática de propaganda indesejada), o projeto determina que os emails tenham mecanismo que permita, ao destinatário, pedir seu descadastramento. Se o pedido não for atendido em até 48 horas, o responsável pelo envio dessa forma de propaganda poderá pagar multa de R$ 100 por mensagem.

Restrições semelhantes às já existentes para as emissoras de TV são impostas aos provedores de internet e aos órgãos de imprensa. Eles não poderão, por exemplo: usar trucagem, montagem ou outro recurso que degrade ou ridicularize candidato ou partido; dar tratamento privilegiado a candidato; fazer propaganda em filmes, novelas ou minisséries; ou divulgar o nome de página eletrônica que se refira a candidato.

Suspensão

Se julgar procedente a reclamação, a Justiça Eleitoral poderá determinar a suspensão, por 24 horas, do acesso a todo o conteúdo das páginas da internet que não cumprirem a lei. Nesse período, o responsável pela página deverá informar aos usuários que tentarem acessar seus serviços que ela está temporariamente inoperante por desobediência à legislação eleitoral.

Direito de resposta

O direito de resposta obtido pelo partido ou candidato na internet deverá ter o mesmo destaque dado à ofensa, observando-se igual espaço, horário, tamanho e outros detalhes. A resposta deverá ficar disponível por tempo não inferior ao dobro do que esteve disponível a mensagem considerada ofensiva. O responsável pela ofensa deverá pagar os custos da resposta.

Imprensa escrita

A propaganda paga nos jornais impressos continuará permitida até dois dias antes das eleições, mas o projeto limita o número de anúncios a dez por veículo, em datas diferentes, por candidato.

Fica permitida, entretanto, a reprodução desses anúncios na internet até igual prazo. Outra novidade é a obrigatoriedade de constar do anúncio, de forma visível, o valor pago pela inserção.

Câmara aprova impressão do voto eletrônico para conferência e auditoria


























A Câmara dos Deputados aprovou, nesta quarta-feira, 08, o substitutivo ao projeto de lei 5.498/09, que muda diversas regras das campanhas eleitorais, permite o uso da Internet já na próxima eleição e institui a materialização do voto eletrônico a partir da eleição de 2014. A proposta, chamada mini-reforma eleitoral, ainda precisa ser votada pelo Senado. A materialização do voto eletrônico foi proposta pela deputada federal Janete Capiberibe (PSB/AP) no projeto de lei 970/2007.

“É uma conquista que pretendemos ver mantida pelo Senado Federal com o objetivo de dar mais segurança e transparência ao sistema eletrônico de votação e certeza para o eleitor de que seus candidatos receberam seus votos”, afirma a autora Janete Capiberibe.

“Não é a volta do voto escrito, como podem pensar”, explica. “Mas aumenta a segurança do processo eleitoral por que permite a recontagem ou a auditoria, se for necessário. Queremos dar esse passo para garantir que a decisão do eleitor seja soberana. Nossa intenção é a mesma do TSE (Tribunal Superior Eleitoral): que a eleição seja cada vez mais segura e livre de fraudes”, completa a deputada.

Pelo projeto aprovado, após as telas para votação proporcional (deputados e vereadores) e majoritárias (presidente, governador, prefeito e senador), o voto completo aparecerá em nova tela para ser conferido pelo eleitor. Após ser confirmado, a urna eletrônica imprimirá o voto que é mostrado ao eleitor por um visor e, sendo coincidente, será depositado em urna lacrada sem contato manual e em completo sigilo. Os votos impressos servirão para auditoria no sistema eletrônico de votação. Dois por cento das urnas eletrônicas de cada zona eleitoral deverão ser auditadas sistematicamente.

quarta-feira, 8 de julho de 2009

Comunidades quilombolas de Itacaré aprendem novas técnicas agrícolas



Pequenos produtores rurais de remanescentes de quilombos de Itacaré
estão aprendendo novas técnicas para incrementar seus rendimentos.
Através da parceria entre a Secretaria Municipal de Agricultura e Meio
Ambiente e o SEBRAE, mais de 250 famílias vêm tendo aulas sobre horta
orgânica, apicultura e avicultura. Iniciados em junho deste ano, os
cursos acontecem em reuniões quinzenais, nas comunidades do Fojo, João
Rodrigues, Santo Amaro, Formiga, Serra de Água e Cachimbo Seco.


De acordo com o secretário Ricardo Brazão, as capacitações voltadas
aos agricultores das comunidades quilombolas ensinam técnicas que
ajudam a diversificar suas produções, ampliando as alternativas de
renda e agregando valor. “Os cursos ministrados pelo SEBRAE colaboram
para fixar os produtores no campo, fortalecendo os grupos e suas
identidades”, complementou.


Ensinando a plantar sem a utilização de agrotóxicos, o curso de horta
orgânica capacita os agricultores de Itacaré a produzirem alimentos
que não agridem a natureza nem a saúde dos consumidores. Com menor
ocupação de terra e menos gastos com defensivos químicos, os produtos
orgânicos têm maior rentabilidade também no mercado, uma vez que são
melhores remunerados.


Assim como o de horta orgânica, o curso de avicultura ensina a criar
frangos caipiras não utiliza produtos químicos ou geneticamente
modificados. Com a maior procura por alimentos saudáveis, as aves
criadas de maneira mais natural também estão ganhando espaço no
mercado. Outra vantagem sobre os frangos industriais é a qualidade
superior da carne e dos ovos.


Os agricultores familiares oriundos de remanescentes de quilombos
estão sendo qualificados ainda sobre a criação de abelhas, que é a
apicultura. Exigindo baixos investimentos, a técnica vem se destacando
como opção agro-ecológica para sustentabilidade de unidades de
agricultura familiar, através da produção de mel, própolis, pólen,
geleia real e cera.


O prefeito Antônio de Anízio considera as capacitações oferecidas
pelo SEBRAE muito importantes para fortalecer a agricultura familiar
em Itacaré. É inadmissível saber que pequenos produtores de Itacaré
estão passando fome. Aprendendo novas técnicas e culturas de baixo
custo, eles poderão não apenas tirar seu sustento, mas também ter
lucros e ampliar seus negócios, reforçou.

Final de campeonato movimenta distrito de Itororó no fim de semana



Um público de cerca de 1300 pessoas acompanhou a final do Torneio Distrital do Rio do Meio, em Itororó no último final de semana. A equipe do Boca Júnior foi a grande vencedora após superar o Goiás nos pênaltis. No tempo normal as equipes não passaram de um suado 1 a 1. A equipe campeã ganhou além de troféu R$ 500 reais em dinheiro.

A segunda colocada levou troféu e R$ 300 reais. Foram premiadas também as equipes da Portuguesa e do Fluminense, terceiro e quartos colocados do certame. E ainda Tiago do Goiás como o goleiro menos vazado e o artilheiro Fernando da Portuguesa.

Realizado pela Prefeitura de Itororó através da Secretaria de Relações Institucionais e Comunicação, o evento esportivo levou uma média de público de 500 pessoas aos espaços esportivos. “O futebol é uma das principais opções de lazer da população da zona rural, estamos estimulando e fortalecendo o esporte em Itororó”, disse o secretário da pasta Silvino Ferraz.

Em apenas 6 meses a prefeitura de Itororó investiu na recuperação da sua principal praça esportiva o Estádio Odilon Pompílio e realizou diversas competições a exemplo do campeonato municipal, inter-bairros do Conjunto Habitacional Urbis, e nos distritais de Rio do Meio e Itatí. “Estamos investindo no esporte amador realizando campeonatos e torneios descentralizados. Investir no esporte é uma maneira de melhorar a qualidade de vida da população”, afirmou o prefeito Adroaldo Almeida.

terça-feira, 7 de julho de 2009

Vigilância Sanitária vistoria barracas de praia de Itacaré


O litoral de Itacaré é mundialmente conhecido por sua beleza e vocação para o surf. Para garantir que os banhistas possam desfrutar das belezas naturais sem riscos de contrair doenças, a Coordenação Municipal de Vigilância Sanitária está avaliando as condições sanitárias das barracas que vendem comidas e bebidas nos paraísos naturais. A ação abrangerá os estabelecimentos comerciais das praias da Concha, Tiririca, Ribeira, Itacarezinho e Jeribucaçu.

A equipe da Vigilância Sanitária analisa a estrutura das barracas, verificando como os alimentos são armazenados e manipulados, destino dos resíduos, qualidade da água utilizada e comprovante de limpeza das fossas. Mas além de fiscalizar, a ação também possui caráter educativo. Entre as orientações dadas aos barraqueiros está a higienização regular da caixa d’água e tubulação, que deve ser feita a cada seis meses.

A vistoria das barracas de praia de Itacaré foi solicitada pela Promotoria Pública a fim de assegurar a oferta de serviços dentro dos padrões de higiene e segurança alimentar. Os trabalhos já foram concluídos na praia da Concha e a meta é que sejam completados até esta sexta-feira (10). “Estamos dando prazos para adequações e, só em caso de reincidência, será aplicada multa ou interdição”, informou a coordenadora da Vigilância Sanitária, Carolina Anunciação.

Os técnicos da Vigilância Sanitária também estão colhendo amostras da água utilizada pelas barracas de praia. O produto será enviado para análise no laboratório da 6ª DIRES a fim de constatar se está apto para consumo humano. Em agosto, a mesma atividade será estendida a todas as fontes de água alternativa da zona urbana, como fontes, poços artesianos e cisternas.

quarta-feira, 1 de julho de 2009

QUEM PODE MAIS CHORA MENOS

Perolas Gramaticais

Autor:
Virgulino

'Um homem rico estava muito mal, agonizando. Pediu papel e caneta.
Escreveu assim:
'Deixo meus bens a minha irmã não a meu sobrinho jamais será paga a
conta do padeiro nada dou aos pobres. '
Morreu antes de fazer a pontuação. A quem deixava a fortuna? Eram
quatro concorrentes.
1) O sobrinho fez a seguinte pontuação:
Deixo meus bens à minha irmã? Não! A meu sobrinho. Jamais será paga a
conta do padeiro. Nada dou aos pobres.
2) A irmã chegou em seguida. Pontuou assim o escrito:
Deixo meus bens à minha irmã. Não a meu sobrinho. Jamais será paga a
conta do padeiro. Nada dou aos pobres.
3) O padeiro pediu cópia do original. Puxou a brasa pra sardinha dele:
Deixo meus bens à minha irmã? Não! A meu sobrinho? Jamais! Será paga a
conta do padeiro. Nada dou aos pobres.
4) Aí, chegaram os descamisados da cidade. Um deles, sabido, fez esta
interpretação:
Deixo meus bens à minha irmã? Não! A meu sobrinho? Jamais! Será paga a
conta do padeiro? Nada! Dou aos pobres.
Moral da história:
'A vida pode ser interpretada e vivida de diversas maneiras. Nós é que
fazemos sua pontuação.
E isso faz toda a diferença...