domingo, 26 de junho de 2016

Projeto aumenta limite de isenção do IR para doação a projeto desportivo

Postado por Agencia da Câmara

A Câmara dos Deputados analisa proposta que eleva de 1% para 4% o limite de isenção do imposto de renda para empresas que investem em patrocínio ou fazem doação a projetos desportivos e para-desportivos aprovados pelo Ministério do Esporte. No caso das pessoas físicas, o limite de dedução será elevado de 6% para 10%.
dep fabio mitidieri 27/02/2015
Mitidieri: o benefício é uma das formas mais democráticas de financiamento público do desporto já viabilizada pelo governo federal
A medida altera a Lei de Incentivo ao Esporte (11.438/06) e está prevista no Projeto de Lei 4704/16, do deputado Fábio Mitidieri (PSD-SE). Segundo o autor, o projeto estimula o financiamento às atividades esportivas no âmbito escolar. 

“As grandes empresas, que são os maiores contribuintes do imposto de renda, passaram a entender que o estímulo ao esporte também traz benefícios à imagem da companhia”, afirma o autor, citando dados do Ministério do Esporte segundo os quais, em 2012, o número de contribuições de empresas que incentivaram projetos esportivos chegou a 1.077. 

“De forma análoga, 1.090 pessoas físicas usaram a Lei de Incentivo ao Esporte para fazer doações. No total, foram R$ 4,3 milhões utilizados para financiar projetos esportivos captados por meio de investimentos de pessoas físicas. Esses números contrastam com os de 2007, quando apenas 12 empresas se utilizaram dos incentivos previstos na lei”, comparou.

Tramitação 
O projeto tramita em caráter conclusivo e será analisado pelas comissões de Esporte; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

ÍNTEGRA DA PROPOSTA:

Reportagem – Murilo Souza
Edição – Natalia Doederlein

Nenhum comentário:

Postar um comentário